Conectado por

Mato Grosso

Governador de MT pede ajuda da Anvisa para liberar vacinas: ‘se erramos, nos diga o que precisamos fazer e nos ajude’


Compartilhe:

Publicado por

em

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou a compra de 1,2 milhão de doses da vacina da Rússia Sputinik V para Mato Grosso.

Após reunião com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e outros 10 governadores, o governador Mauro Mendes (DEM) gravou um vídeo pedindo a ajuda da Agência para que haja a liberação da vacina russa Sputnik V no Brasil. A reunião ocorreu nesta terça-feira (6).

“Por favor nos ajude. O que precisamos fazer? Se erramos, nos diga o que precisamos fazer e nos ajude. Precisamos saber objetivamente como colocar mais essas doses nesse país. O que precisamos fazer para que 37 milhões de doses da Sputinik compradas pelos governadores sejam liberadas. Eu comprei porque vi na mídia internacional e tem quase 50 países usando”, disse Mauro Mendes, ao lado do secretário-chefe da Casa Civil Mauro Carvalho.

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou, na quarta-feira (31), a compra de 1,2 milhão de doses da vacina da Rússia Sputinik V para Mato Grosso. A compra acontece após negociação conjunta entre os estados do Consórcio Amazonas, o qual Mato Grosso faz parte, o Consórcio do Nordeste e o fundo soberano da Rússia.

O custo é de U$ 9,95 cada dose.

A Sputnik V, desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, foi autorizada para uso emergencial pelo governo russo antes mesmo do fim dos estudos clínicos. A vacina já foi aprovada para uso na Argentina e em outros países da América Latina.

De acordo com o governador, essa foi a única vacina que o estado conseguiu negociar. Segundo ele, o governo esteve em contato com empresas e distribuidores do Brasil e de outros países, no entanto, a grande maioria se negou a fazer negociações diretamente com os governos estaduais.

G1.globo.com