Conectado por

Mato Grosso

Governador de MT diz que pretende antecipar compra da vacina, caso Governo Federal demore


Compartilhe:

Publicado por

em

O governador Mauro Mendes (DEM), que na última semana visitou a sede do instituto Butantan, em São Paulo, para se informar sobre a produção da vacina Coronavac, garantiu que irá iniciar o plano de imunização em Mato Grosso o quanto antes e declarou que pretende antecipar a iniciativa, caso o Governo Federal demore muito.

“Achamos que se a vacina for aprovada, o instituto Butantan está com um processo bem avançado de produção e da documentação da Anvisa, nós queremos o quanto antes. Se a do Governo Federal chegar em fevereiro ou março e nós tivermos a oportunidade de conseguir uma em janeiro, nós queremos antecipar o tempo e já colocar à disposição da população”, disse o chefe do Executivo nesta segunda-feira (14).

O Democrata também voltou a dizer que pretende, a princípio, trazer 500 mil doses da vacina, assim que ela for aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e ser autorizada para venda.

“Se houver dificuldade no Governo Federal, Mato Grosso está à disposição de comprar esta vacina e distribuir para população. Nós inicialmente temos o desejo de comprar 500 mil doses”, explicou.

O governador, por fim, elogiou a forma como o Butantan está tratando a vacina e disse que o instituto não representa nenhum governador, ou posicionamento político.

“Fiz uma visita ao Butantan, que tem mais de um século. O instituto não é de governador A, B ou C. É o instituto que produz hoje 70% das vacinas que todos nós brasileiros consumimos. Então ele merece o respeito quando se fala a esta instituição que contribui tanto para nosso país”, concluiu.
Olhar Direto