Conectado por

Acre

Gladson Cameli se junta à cúpula de Segurança em críticas ao senador Petecão


Compartilhe:

Publicado por

em

Não é do perfil do governador Gladson Cameli (Progressistas) se esconder de qualquer debate. Não seria diferente no mais recente embate protagonizado por autoridades da Segurança Pública do Estado com o senador Sérgio Petecão (PSD). Por mais aliado que Petecão parecesse ao governo Gladson, uma entrevista concedida ao Blog do Crica somada a uma publicação na rede social do parlamentar aflorou as mais profundas mágoas no atual governo.

Petecão questionou a situação da criminalidade na capital acreana e foi além ao responder uma nota pública assinada pelos principais diretores de órgãos de segurança no Acre: “Se vocês acham que está bom, chame um taxista para levá-los até o Taquari, peça uma pizza lá na Cidade do Povo, peça para o caminhão da Gazin levar um fogão lá no Cabreúva”, escreveu o senador.

Procurada pelo ac24horas, a porta-voz de Gladson Cameli afirmou que o chefe do Executivo concorda plenamente com os representantes da Segurança e ainda ressalta que o senador em questão não se fez presente para melhorar a qualidade da segurança por meio de emendas parlamentar. “O governador lembra ainda que o senador Sérgio Petecão faz críticas, mas não alocou nenhuma emenda individual para um dos grandes problemas do Estado, a Segurança Pública, ou das emendas de bancada das quais têm direito”, informou Mirla Miranda.

Petecão ainda fez um alerta a seus aliados. Ele pediu que não curtissem ou compartilhassem sua publicação criticando a segurança pública, pois poderiam ser demitidos. “Enquanto eu estiver na política e não puder mais expressar a minha opinião, aí é melhor largar. Saibam que por enquanto podem contar comigo, esse governo lutei muito para eleger. Quero pouca coisa , só que a velha paz volte a reinar em nosso estado. E pode ter certeza desprovido de qualquer interesse como foi dito na nota , eu ainda estou pronto para ajudá-los , contem comigo”, comentou.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *