Conectado por

Mato Grosso

Geller lamenta situação de Selma, mas garante apoio a Maggi em caso de novas eleições

Publicado por

em

O deputado federal Neri Geller, presidente do Partido Progressista e líder da bancada na Câmara Federal, lamentou a possível cassação da senadora Selma Arruda (Podemos), que pode ser confirmada pelo Tribunal Superior Eleitoral na próxima terça-feira (10). No entanto, mesmo defendendo a colega, garantiu apoio integral do partido a Blairo Maggi, caso ele decida concorrer ao cargo em novas eleições.

Em entrevista à Rádio Capital, nesta quinta-feira (5), ele disse que não gostaria que a senadora fosse cassada, mas “se teve problemas com a justiça, tem que pagar”.

“Eu, particularmente, não queria que a senadora Selma fosse cassada. Querendo ou não, ela fez 670 mil votos. Teve problemas com a justiça, tem que pagar, mas vamos deixar a justiça definir isso e depois a gente vai sentar e discutir (uma possível candidatura pelo PP)”.

Caso seja confirmada a cassação na semana que vem, Selma perde o mandato e novas eleições devem ser realizadas em Mato Grosso. Ela foi cassada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), em abril deste ano, pelos crimes de Caixa Dois e abuso de poder econômico nas eleições de 2018. Na última terça (3), foi lido o voto do relator, ministro Og Fernandes, que decidiu por manter a cassação de Selma e seu suplente, Gilberto Possamai, assim como a inelegibilidade por oito anos. Os demais membros do pleno devem votar e definir a questão na próxima semana.

Ele não nega que o ex-governador, ex-senador e ex-ministro da República, Blairo Maggi, seja o maior líder da sigla e garante que ele terá todo o apoio do partido caso decida se candidatar novamente ao Senado para a vaga de Selma.

“Obviamente, quando se fala do PP, que muitos líderes e prefeitos, inclusive vindo agora para o partido, temos quadros excelentes. Com certeza que o líder maior é o ministro Blairo Maggi. Certeza que o Blairo tem todas as condições de disputar qualquer cargo e, se ele for o nome, vai ter o apoio integral do partido, mas o Blairo é categórico em falar que não será candidato”, disse.

Blairo Maggi, apesar de ainda fazer parte da executiva estadual do PP, já deixou claro que se “aposentou” da vida política e não deverá concorrer a nenhum outro cargo.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *