Conectado por

Mato Grosso

Garimpo em que homem foi morto tem 400 pessoas em busca de ouro e foi descoberto após sequestro; fotos e vídeo


Compartilhe:

Publicado por

em

Um grupo de aproximadamente 400 garimpeiros invadiu uma fazenda, localizada no Distrito de Novo Horizonte, que fica a 60 quilômetros da cidade de Castanheira (776 km de Cuiabá), em busca de ouro. A ‘corrida’ pelo minério já rendeu um assassinato no local e também o sequestro de pessoas para que elas indicassem onde encontrar o material.

A informação sobre o garimpo chegou às pessoas através de aplicativos de mensagens no domingo retrasado (28).

Durante aquela semana, dois homens que haviam comentado sobre o fato teriam sido sequestrados pelo grupo para apontarem o exato local em que eles poderiam encontrar ouro.

Como não sabiam a região exata, os homens acabaram baleados, segundo as informações da Polícia Militar. Ulisses Pereira dos Santos, de 44 anos, foi a óbito ainda no garimpo. Foi necessária a presença da Força Tática e de outra equipe da PM para resgatar o corpo dele.

Familiares de Ulisses deram entrevista ao site Juína News. Eles disseram que sempre se preocuparam por Ulisses ir atrás de garimpos e acreditam que foi morto por que teria encontrado uma boa quantidade de ouro. A família disse que acredita na Justiça e espera que os culpados paguem pelo crime. A vítima deixou dois filhos.

A outra pessoa baleada, não identificada, precisou ser encaminhada para uma unidade de saúde de Aripuanã. Cinco pessoas foram encaminhadas para a delegacia para prestar esclarecimentos sobre o homicídio.

Uma barreira foi montada no garimpo. Parte do grupo ainda continua acampado na região em busca pelo ouro. Durante a revista, foram encontradas porções de drogas, um revólver e munições. O local segue monitorado pela PM.

Olhar Direto