Conectado por
Governo de Rondônia

Saúde

Fases de infecção da Covid-19: Etenda o ciclo do vírus no organismo humano

Publicado por

em


Continua após a publicidade

pandemia do novo coronavírus é uma doença que se assemelha a doenças já conhecidas, como a gripe e o resfriado. A Covid-19 é uma doença respiratória em que os principais sintomas são tosse seca, febre e falta de ar – sinais que podem surgir entre 1 e 14 dias após a contaminação. É importante lembrar que a doença pode apresentar efeitos diferentes em cada pessoa. Para diferenciá-la e entender melhor como ela funciona, veja as fases da doença e entenda o ciclo do coronavírus em nosso organismo.

Novo coronavírus: doença respiratória se manifesta em algumas fases

Fase 1
A fase 1 da Covid-19, considerada leve, é quando ocorre a contaminação pelo nariz ou boca a partir do contato com uma pessoa ou superfície infectada. Em alguns casos, o quadro pode ser totalmente assintomático e continuar assim, já em outros, pode evoluir para um quadro mais grave. É nessa etapa que o vírus percorre o caminho até o pulmão do paciente ou o estômago. Os sinais mais comuns são tosse, mas o paciente também pode ter diarreia. O organismo se prepara para se defender dos invasores.

Fase 2
É na fase 2 de infecção, que é mais moderada, que começam as manifestações pulmonares. Se a resposta do sistema imune não for rápida o suficiente, se espalha pelo corpo. Nesse momento, é normal que o paciente tenha febre e tosse mais intensa, acompanhado de cansaço. A falta de ar é um sinal mais claro de que o paciente está com um quadro de pneumonia viral e é indicado procurar atendimento médico. A depender da gravidade, o tratamento pode ser feito em casa com medicação ou no próprio hospital com métodos mais abrangentes.

Fase 3
Considerado o estágio grave da doença, na fase 3 o sistema imunológico do paciente não consegue se defender e causa uma inflamação generalizada, que pode gerar falência múltipla de órgãos e parada cardiorrespiratória.

Como diferenciar o coronavírus de uma gripe comum ou resfriado?

Essa é uma dúvida que muitas pessoas geralmente têm, mas não é muito difícil diferenciar a Covid-19 de uma gripe ou resfriado. Embora as semelhanças sejam inúmeras, existe uma diferença principal: a Covid-19 demora muito mais para se manifestar do que a gripe. Veja os sintomas mais comuns de cada doença respiratória:

– Gripe: febre, cansaço, tosse (geralmente seca), dores no corpo e mal-estar e dor de cabeça;

– Resfriado: tosse leve, espirros, coriza ou nariz entupido, dor de garganta, dores no corpo e mal-estar e dor de cabeça;

– Coronavírus: febre, tosse (geralmente seca), dificuldade para respirar, perda de paladar ou olfato e cansaço.

Como se prevenir da Covid-19?

A Covid-19 pode se manifestar de forma bem grave e até levar à morte em poucos dias. Por isso, é essencial evitar aglomerações e manter um distanciamento social de no mínimo 1,5 metro na rua e comércios. O uso de máscara é indispensável para evitar o contágio, assim como o álcool em gel ou limpeza das mãos com água e sabão. Sempre leve as mãos à boca e ao nariz ao tossir ou espirrar, higienizando bem depois. Além disso, se mantenha em locais arejados e não compartilhe objetos pessoais.

Cuidados Mil