Conectado por

Tecnologia

Facebook e Apple querem lei de proteção de dados nos EUA


Compartilhe:

Publicado por

em

epois de o CEO da Apple, Tim Cook, se mostrar a favor de regulamentação que proteja a privacidade dos internautas norte-americanos – semelhante ao Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD) na Europa – foi a vez de o fundador e CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, se juntar à causa.

Em uma coluna de opinião publicada pelo The Washington Post, Zuckerberg afirma que regulamentação como a RGPD dá um maior controle aos internautas a respeito dos seus dados pessoais. Ainda, o fundador da rede social considera que as regulamentações nos EUA devem ir mais longe.

“A nova regulamentação de privacidade nos EUA e em todo o mundo deve desenvolver as proteções providenciadas pela RGPD. Deve proteger o seu direito de escolher como a informação é usada – ao mesmo tempo que permite às empresas usar a informação para propósitos de segurança e para oferecer serviços”, escreve Zuckerberg.

O executivo admite que “o Facebook tem responsabilidade a lidar com estas questões” e afirma estar disposto a discuti-las com legisladores de todo o mundo. “Desenvolvemos sistemas avançados para encontrar conteúdo perigoso, impedir interferência em eleições e tornar anúncios mais transparentes. Mas as pessoas não devem depender de empresas individuais para lidarem sozinhas com estas questões”, apontou Zuckerberg.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *