Conectado por

Agronegócios

Exportação brasileira de carne de frango cresceu 14% em maio


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

As exportações brasileiras de carne de frango, considerando dos produtos in natura aos processados, totalizaram 381,1 mil toneladas em maio. O número é 14,4% superior ao desempenho registrado no mesmo período do ano passado, quando foram embarcadas 333,2 mil toneladas. Os números são da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

A receita de embarques, com US$ 658,9 milhões, apresentou crescimento ainda mais expressivo, com elevação de 27,3% em relação ao desempenho de maio de 2018, com US$ 517,6 milhões.

De janeiro a maio deste ano, as vendas de carne de frango alcançaram volume de 1,659 milhão de toneladas, saldo 3,6% superior ao obtido no mesmo período do ano passado, com 1,601 milhão de toneladas. Com este desempenho, o setor gerou receita de US$ 2,7 bilhões, saldo 6,3% maior que os US$ 2,6 bilhões gerados nos cinco primeiros meses de 2018.

Envios para a China

As vendas de carne de frango para a China foram o grande destaque do mês. Principal destino das exportações brasileiras, com 14,7% do total exportado durante o período. O país asiático importou 54,8 mil toneladas em maio, volume 49% superior ao efetivado no mesmo período do ano passado.

“A China se isolou como principal destino dos embarques brasileiros.  O efeito gerado no mercado pela crise sanitária no país asiático impulsionou as importações, o que gerou efeitos, também na rentabilidade do mercado, com elevação de preços médios”, ressalta o presidente da ABPA, Francisco Turra.

Outro destaque do mês, as vendas para os Emirados Árabes Unidos chegaram a 30,7 mil toneladas em maio, que representa 8,2% do total enviado, saldo 49% acima do realizado no mesmo período do ano passado.

A União Europeia também expandiu suas importações de carne de frango do Brasil. Ao todo, foram 26,2 mil toneladas em maio, que somam 7% do montante enviado, volume 26% acima do realizado no quinto mês de 2018.

“A disrupção no mercado gerado pela China ocorre em um momento em que outros importadores relevantes incrementaram suas compras. É há, também, as boas notícias vindas do México, para onde os embarques deverão ganhar novo impulso com a publicação de cotas adicionais de importação”, o diretor-executivo da ABPA, ressalta Ricardo Santin.

Veja abaixo a lista dos principais destinos de exportações da carne de frango do Brasil, no período entre janeiro e maio de 2019.

Foto: O LIVRE

Foto: O LIVRE
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =

Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento