Conectado por
Governo de Rondônia

Polícia

Ex-militar do exército tentar matar cunhado e irmã por dívida de residência

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Walter F. L. A. de 38 anos, foi preso em flagrante no final da manhã desta quarta-feira (04), pelo crime de tentativa de homicídio contra a própria irmã e seu cunhado motivado por uma dívida de uma residência na rua Tocantinópolis, bairro Jardim Santana, região leste de Porto Velho.

De acordo com informações da vítima, um jovem 27 anos, que é cunhado do suspeito, comprou uma casa dele que fica na frente e sem nenhum motivo Walter disse que iria da um tiro na cara dele e o mesmo foi tirar satisfação o motivo dele querer o matar, nesse momento o suspeito correu para dentro da casa para pegar uma arma e a vítima com sua esposa que é irmã do suspeito entraram no carro para ir embora e o Walter chegou por trás e efetuou dois tiros atingido o vidro traseiro do porta malas e por sorte não atingiu a irmã dele e o cunhado.

Não demorou muito uma guarnição da Polícia Militar do 5° batalhão que estava próximo ouviu os disparos e quando se aproximou avistou o indivíduo com uma arma nas mãos apontando ainda para dentro da vítima que estava dentro do veículo. A princípio ele reagiu a prisão e depois se entregou, onde foi algemado e colocado dentro do camburão da viatura.

Dentro do imóvel dele foi localizado outras duas armas sendo espingardas, onde uma delas possue registro. A família do suspeito disse que ele toma remédio controlado e não havia tomado e por isso estava agressivo. Os policiais informaram que uma guarnição na semana passada atendeu uma ocorrência contra o suspeito de ameaça, onde ele teria invadido de um terreno na frente de sua residência e já estava construindo, foi quando o verdadeiro dono apareceu lhe mostrando os documentos do local, ele não deu importância e ameaçou a vítima.

O suspeito é ex militar do exército e é bastante temido na região. Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido para central de flagrantes onde ainda fez ameaças de morte para os policiais, chegando a agredir fisicamente e verbal. Três armas foram apreendidas e todo o flagrante foi lavrado o termo de tentativa de homicídio e agora ele ficará à disposição da justiça.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *