Conectado por

Medicina

Entenda as causas e como tratar a tuberculose


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

Engana-se quem pensa que há apenas um único tipo de tuberculose ou que os sintomas dessa doença são sempre os mesmos. Mas fica tranquilo, ao longo deste conteúdo iremos explicar o que é a tuberculose, seus principais tipos, quais as causas e como tratar. Quer ficar por dentro? Continue a leitura!

O que é a tuberculose?

A tuberculose é uma infecção bacteriana, ou seja, ela é causada quando uma bactéria se aloja em determinada parte do corpo, fazendo com que o organismo precise reagir. De forma específica, a bactéria causadora da tuberculose se chama Mycobacterium Tuberculosis, porém para facilitar esse nome, ela também é conhecida como bacilo de koch.

Por se tratar de uma doença contagiosa, é comum haver questionamentos sobre como ela é transmitida. E, a resposta é bem simples: entrando em contato com gotículas de salivas advindas da tosse de pessoas já contaminadas. Por isso, é muito mais propenso a infecções ocorrerem em ambientes fechados e sem ventilação.

Comumente, a tuberculose é tratada apenas como uma doença respiratória e atinge apenas os pulmões, mas isso não é verdade. A depender da sua gravidade, a doença pode atingir diversos outros órgãos do corpo humano, até mesmo ossos. É importante ressaltar que já existe cura e o tratamento é realizado através de antibióticos.

Principais sintomas da tuberculose

Tendo sintomas bastante específicos, é imprescindível ter atenção e ao notar algum deles deve-se procurar um médico. Os principais são:

tosse forte e constante por mais de duas semanas;

  • rouquidão;
  • catarro com sangue;
  • dor no peito;
  • fadiga e falta de ar;
  • perda de apetite;
  • febre.

Quais as causas da tuberculose?

Como já citado anteriormente, a tuberculose é causada pelo contato com o bacilo de koch. Essa bactéria se hospeda na região pulmonar por se tratar de uma área extremamente oxigenada, facilitando assim a sua reprodução. O contágio ocorre quando uma pessoa não infectada entra em contato com uma já infectada e não toma os devidos cuidados.

Por ser uma bactéria com crescimento lento, em média 8 semanas, é comum que os sintomas não surjam em um primeiro momento, por isso é tão importante ir ao médico assim que notar alguns dos citados acima.

Além disso, a bactéria causadora da tuberculose, é extremamente sensível à luz, por isso, locais claros e arejados reduzem significativamente as chances de infecção.

Principais tipos de tuberculose

Como a tuberculose pode afetar diferentes órgãos ela é separada por tipos. Confira a seguir, quais são os mais comuns.

Tuberculose pulmonar

Sendo o tipo mais comum e conhecido, a tuberculose pulmonar ocorre quando a bactéria se aloja nos alvéolos pulmonares e se multiplica, causando assim a necrose dos tecidos. Além disso, ela é dividida em dois tipos, que são primária e secundária.

A primária, como o próprio nome sugere, se trata da primeira infecção do paciente com o bacilo de koch. Esse tipo é mais comum em crianças, já que o sistema imunológico está se desenvolvendo. Na secundária, pode ser que a pessoa seja novamente infectada ou os bacilos que já estão alojados no organismo reativem.

Tuberculose ganglionar

Já esse tipo de tuberculose é mais comum em crianças e pessoas soropositivas, com o vírus HIV ativo no corpo. Nesse caso, a bactéria atinge os gânglios, glândulas linfáticas que ficam localizadas no pescoço, causando dores e inchaços localizados.

Tuberculose intestinal

Sendo o tipo bem raro de tuberculose, a intestinal pode ser derivada da ingestão de leite não pasteurizado e, consequentemente, com a presença da bactéria M.bovis, que também pode causar tuberculose. Outro motivo que pode acarretar nessa doença, é o avanço e complicações da tuberculose pulmonar. Os principais sintomas são febre e diarreia.

Tuberculose óssea

Afetando principalmente a coluna vertebral, essa tuberculose pode atingir qualquer osso ou articulação do corpo humano. Ela é mais comum em crianças e adultos acima dos 40 anos. Os sintomas, além dos já citados, podem ser dores e inchaços localizados.

Como é feito o tratamento?

O tratamento da tuberculose é uma combinação entre medicamentos, repouso e boa alimentação. Isso porque, os antibióticos sozinhos não conseguem interferir na imunidade, por isso é essencial que haja cuidados específicos com a saúde e uma alimentação saudável para a imunidade ficar em níveis confortáveis.

O tratamento pode durar entre 5 e 9 meses, começando com uma dosagem medicamentosa mais alta e diminuindo conforme os avanços. Porém, todo esse processo deve ser acompanhado por um médico especializado, a fim de ter mais efetividade no tratamento.

 

Semprebem.paguemenos.com.br

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Publicidade
Casas De Apostas Online

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento