Conectado por
Governo de Rondônia

Municípios

Energisa reduziu para menos da metade falta de energia em 43 municípios de RO

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Melhora na qualidade é reflexo de elevados investimentos, mas chuvas, ventos, queimadas e dificuldade de acesso são desafios que precisam ser superados  

 Os investimentos realizados pela Energisa desde que assumiu a concessão em Rondônia reduziu para menos da metade o tempo de falta de energia em 43 dos 52 municípios. Um exemplo prático é a região de Jaru, que em 2020 teve 33 horas a mais de energia distribuída na região. Com isso, a falta de energia deixa de ser um entrave para segmentos importantes da economia regional, como frigoríficos, laticínios e serralherias. “Ainda temos muito a fazer e vamos manter nosso plano de investimentos esse ano. Esperamos que os consumidores percebam nosso esforço para levar mais energia, de melhor qualidade para todo o estado”, afirma o diretor-presidente da Energisa em Rondônia, André Theobald.  O levantamento mostra melhora de cerca de 26% na qualidade de energia em Rondônia como um todo durante 2020. Em média, são quase 13 horas a mais de energia para todos os clientes. Os números consideram a duração e a frequência das interrupções no fornecimento, indicadores reportados mensalmente à Aneel.

Carlos Alexandre de Oliveira, gerente de operações da concessionária, avalia o resultado como positivo ao considerar as adversidades climáticas registradas, especialmente nos últimos meses do ano. “Traçamos um plano de atuação em todos os municípios. Aumentamos a quantidade de equipes em campos, revimos processos e melhoramos nossos canais de atendimento. Um conjunto de ações com envolvimento de profissionais de diversos setores propiciou o resultado que já foi percebido pelo nosso cliente”, afirmou. As obras fazem parte do investimento de mais de R$ 1 bilhão do Grupo Energisa em Rondônia durante 2019 e 2020, o maior aporte do grupo no país nesse período considerando todas as outras concessões.

Recentemente, a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica divulgou que o consumo de energia elétrica no Brasil foi 1,5% menor em relação ao ano de 2019. Na contramão do país, Rondônia teve o aumento de 2% no mesmo período. Oliveira observa que a quantidade de energia disponível e a confiabilidade no fornecimento são pontos importantes para atrair novos empreendedores para região.  “Apesar do cenário atípico provocada pela Covid-19, conseguimos realizar todas a obras planejadas. As 12 novas subestações e linhões foram projetados para comportar o crescimento econômico dos municípios. A expansão das redes alcançou mais de 200 mil pessoas que antes não tinham energia”, explicou.

Na região de Ouro Preto, as interrupções no fornecimento caíram praticamente para a metade (49%), quando comparado com 2019, e quando ocorrem, o restabelecimento é em menor tempo (39%). Em termos de evolução em horas a mais de energia distribuída, a região de Rolim de Moura apresenta-se como a segunda melhor (42%), tendo ainda como destaque Ariquemes (35%) e Porto Velho (31%). “Os religadores automáticos é uma tecnologia que implementamos e que não era usado anteriormente. Eles atuam em pequenos curtos-circuitos provocados, por exemplo, quando galhos de árvores encostam nos cabos durante os vendavais. O sistema protege a rede, evitando a abertura de muitas chaves, e religa automaticamente em poucos segundos. Essa ferramenta otimiza nossa atuação e permite a dedicação em ocorrências mais complexas, que envolvem a substituição de postes e cabos, por exemplo”, declarou. A prévia do levantamento de janeiro de 2021 já apresenta indicadores de que a melhoria deverá se repetir nesse ano.

Contudo, Oliveira alerta que apesar do sistema estar passando pelo processo de modernização, a participação do cliente é crucial para que os índices continuem melhorando. “Quanto antes o cliente informar a falta de energia nos nossos canais de atendimento, mais rápido será o acionamento das equipes. Porém, é sempre importante que antes de nos ligar, que o cliente vá até o seu quadro de energia e verifique se o disjuntor está ligado para identificar se há alguma falha interna”, orientou. A concessionária disponibiliza os seguintes meios de contato com atendimento 24 horas:  aplicativo Energisa ON (Android e IOS), whatsapp GISA (69 9 9358-9673 ), www.energisa.com.br e call center 0800 647 0120.

 

(AI)