Conectado por

Mundo

Empresários de Cuiabá cogitam, no Whats, fretar avião para irem a Cuba ou Rússia vacinar


Compartilhe:

Publicado por

em

Empresários, conversando em grupo fechado de Whatsapp, hoje (16), cogitaram fretar um avião para irem a Cuba, tomar vacina contra Covid-19. Isso porque, embora o país tenha uma pecha de antidemocrático, no campo da Saúde é avançado e do turismo também, com belas praias, bares, diversão. Se não forem para Cuba, outra opção seria a Russia, que está vacinando até torcedores na entrada dos estádios, incluindo estrangeiros.

Neste contexto, um dos participantes da conversa informa que fez orçamento com Air bus para Cuba e sai a R$ 724 mil, dividido por 186 pessoas. Dá mais ou menos R$ 3.892,00 por passageiro. “Bora fretar um?”, pergunta uma pessoa. “Vamos”, responde outra. “Vacina aqui só na próxima encarnação”, reclama.

O tom é de brincadeira e a conversa não foi definitiva, mas este fenômeno está ocorrendo no mundo. Quem tem dinheiro vai a países onde o plano de imunização é em massa e não restritivo e devagar como no Brasil.

Um dos envolvidos na conversa lembra os carros velhos de Havana, capital cubana, inclusive como atrativo turístico. O outro “fecha questão” na hora. “Opa, se tiver vacina por lá, sou parceiro”.

Na campanha eleitoral, Cuba ficou marcada pelo jargão “vai pra Cuba”, usado pela extrema direita, para atingir aqueles que defendem ideias esquerdistas.

Turismo também atrai

Além de vacina, o turismo também é atrativo oferecido por esses países, praias, monumentos históricos, depende para onde se vai.

“Cuba foi o primeiro país a oferecer a vacina contra Covid-19 para turistas estrangeiros. Chamada de ‘Soberana 2’, a vacina tem sua terceira fase de testes prevista para 1º de março. Ela estará disponível não apenas para cidadãos cubanos, mas a todos os turistas que visitarem a ilha e desejarem ser imunizados, segundo informações de Vicente Vérez, diretor do centro de pesquisa médica do Instituto Finlay de Havana, onde são realizadas pesquisas para combater o vírus no país”, diz texto enviado no grupo.

A vacina russa almejada é a Sputinik V.

 

Unicanews

Publicidade

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento