Conectado por

Mato Grosso

Em menos de uma mês dois indígenas são mortos durante ataques de onça no parque do Xingu

Publicado por

em

Dois casos de ataque de onça foram registrados no Parque Indígena do Xingu em menos de um mês. Os dados foram relatados por um profissional da saúde que trabalha no município de Canarana. As vítimas são uma mulher e um homem ambos indígenas.

De acordo com as informações a mulher que residia nas proximidades do polo foi atacada a caminho de sua roça. A senhora foi arrastada a 30 metros para dentro da mata, o animal comeu parte crânio e da face. Outros indígenas que residem no local escutaram os gritos, mas não deu tempo de evitar a fatalidade.

A segunda vítima foi atacada na última terça-feira, 12 de junho. O homem foi surpreendido pelo animal quando estava pescando. O pescador teve a cabeça arrancada. A casa da vítima é na aldeia Waurá, que fica a aproximadamente 15 km do primeiro ataque. Devido ao período entre os ataques e também a distância, as mortes podem ter sido provocadas pelo mesmo animal.

Essa não é a primeira vez que casos de ataques de onça são registrados na região, a quatro anos atrás um homem também foi atacado por onça no município de São José do Xingu, que fica próximo ao Parque Indígena.