Conectado por
Governo de Rondônia

Política

Edvaldo Soares fala sobre decisão tomada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sobre candidaturas laranjas

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Publicado por Edvaldo Soares em Quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Entenda mais sobre o assunto – A decisão tomada  pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE),  de  que candidaturas laranjas levam à cassação de toda a chapa, vai mexer também com as vagas de deputado estadual e federal em Rondônia. O entendimento do tribunal foi feito no julgamento do caso de cinco candidatas à Câmara de Vereadores de Valença do Piauí, que tiveram votação inexpressiva, não praticaram atos de campanha nem tiveram gastos declarados em suas prestações de contas.  Ou seja, os políticos foram condenados por lançar candidatas fictícias com o intuito de alcançar a cota de gênero de 30% prevista na Lei das Eleições.

Sendo assim, a chapa que elegeu os deputados estaduais Alex Redano, Cabo Johny Paixão e Pastor Alex Silva, todos do Republicanos, pode ser cassada se levado em conta jurisprudência criada pelo TSE. Isso afetaria, inclusive, o mandato do deputado federal Coronel Chrisóstomo, do PSL, ai abre uma vaga e quem poderá assumir é Pastor Valadares (PSC/RO)

Alan Queiroz (PSDB), Marcelino Tenório (PRP), Ari Saraiva (PSB) e até Saulo Moreira (MDB) seriam os nomes para assumir as vagas nessa reviravolta eleitoral ao cargo de deputado estadual. A sucessão da presidência da Assembleia Legislativa de Rondônia poderá sofrer mudanças. Isso porque Alex Redano, eleito presidente da ALE para o segundo biênio, em tese, estaria fora. Assim, abre caminho para o atual presidente Laerte Gomes conseguir uma reeleição à presidência da mesa.

Fonte: Folha de RO 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *