Conectado por

Polícia

‘É como se um pedaço de mim morresse’, diz homem que perdeu nove cães em Herval


Compartilhe:

Publicado por

em

Polícia Civil investiga mortes de animais na cidade do interior do Rio Grande do Sul. Suspeita é de envenenamento.

A polícia investiga a morte de mais de 20 animais em Herval, no Sul do estado. Vinte e quatro cachorros e um gato foram encontrados sem vida na madrugada da última quinta-feira (16). A suspeita é de envenenamento. Alguns morreram no pátio de casa.

Os moradores do município acreditam que esse número possa ser ainda maior, porque muitas pessoas não denunciaram as mortes.

Dos 29 cães do canil mantido por Ademar Pinto, nove morreram. Ele lamenta as perdas.

“É um pedaço de mim que vai embora. Cada vez que acontece isso, já aconteceu outras vezes, é como se um pedaço de mim morresse um pouco.”

O empresário Cassiano Acosta perdeu três cães. Ele se diz revoltado com a situação por se tratar de um ataque a seres inocentes. “A gente fica revoltado. Um deles estava amarrado aqui. Não fazia nada, era um inocente.”

Enquanto o caso não é solucionado, moradores se dizem chocados com a situação que assola a cidade de 6,9 mil habitantes. “Não sei o que que está acontecendo, eu nunca tinha ouvido falar nisso. A comunidade está muito apavorada”, diz a vendedora Gabriela Mendes.

A Polícia Civil investiga o que motivou os crimes e se os fatos têm ligação. Nos próximos dias serão ouvidas as pessoas que registraram ocorrências.

A Prefeitura de Herval divulgou uma nota em que diz que o “município possui um departamento com veterinário para castração de animais, preocupado com a proliferação descontrolada”, e acrescenta que “o ocorrido não tem aval da administração municipal.”

  

Foto: Clareci Cocaia/Arquivo Pessoal

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *