Conectado por

Amazonas

Delegado Eduardo Paixão recebe título de Cidadão do Amazonas


Compartilhe:

Publicado por

em

Nascido em Goiânia, o delegado Eduardo Paixão Caetano recebeu o título de Cidadão do Amazonas concedido pela Assembleia Legislativa do Amazonas nesta terça-feira, 18 de setembro. A deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) foi a autora da homenagem ao goiano.

Alessandra disse que conheceu o delegado em 2014, antes mesmo de se tornar deputada. Campêlo destacou a trajetória de Eduardo Paixão a serviço da Segurança Pública do Estado, incluindo as passagens pelo 17° e 25° DIP e pela Delegacia Especializada em Proteção ao Consumidor (Decon).  

“Eu acompanho muito o trabalho dele (Eduardo Paixão), por onde passou sempre se dedicando muito. Ele é o que a gente pode chamar de policial operacional mesmo, já foi plantonista em diversas delegacias e já atuou na lida do dia a dia. O que gosto na atuação do Eduardo é que para onde ele vai,  ele se dedica muito”, justificou a deputada, que é escrivã concursada da Polícia Civil.

Atual titular da Decon, Eduardo Paixão enfatizou a amplitude do trabalho desenvolvido pela Delegacia do Consumidor no Estado. Para ele, a revelação dos crimes apurados na especializada abrange um número bem maior de cidadãos, às vezes, até com casos de repercussão nacional.

“Como a deputada Alessandra nobremente bem mencionou, o nosso trabalho é muito maior do que as pessoas imaginam. Na Decon, aparecem 50 pessoas, 100 pessoas vítimas de um mesmo golpista que vem praticando golpes reiterados não somente em Manaus, mas em todo o Estado e com repercussão nacional. Então a relevância dos crimes apurados na Delegacia do Consumidor abrange dezenas, centenas e muitas vezes milhares de pessoas e com repercussão em todo o País”, disse o homenageado.

Perfil:

Nome: Eduardo Paixão Caetano

Nascimento: 07/02/1981

Naturalidade: Goiânia (GO)

Formação: Direito (2003) e tem Pós-Graduação em Direitos Difusos e Coletivos; Especialização em Direito Penal; Pós-Graduação em Direito Público; MBA Executivo em Negócios Financeiros; e Mestre em Direito Ambiental pela UEA. É autor de dois livros: “Direitos Humanos, vocação do Delegado de Polícia”, lançado em 2016; e  “Consciência ambiental para a efetivação da dignidade humana no sistema prisional”, lançado em 2017.