Conectado por
Governo de Rondônia

Religião

De quem é a glória? – Por Pra. Elza Amorim Carvalho

Publicado por

em


Continua após a publicidade

Aquele, porém, que se gloria, glorie-se no Senhor. 2 Coríntios 10:17

Na vida, corremos todos, de forma diferente, de modo e maneira diferente; Mas, o que nós estamos a buscar?

Certamente que muitos buscam por glória humana, reconhecimento de outras pessoas, outros buscam por dinheiro, alguns buscam por fama, outros ainda, pelo poder e o ter. 

Enquanto você e eu, como pessoas que professamos a fé verdadeira, o que mesmo estamos procurando?

Se nós estivermos procurarmos por coisas que perecem, ficaremos limitados pelas coisas desta vida, seremos enfadados nas preocupações quando os dias difíceis vierem; seremos atemorizados quando situações que fogem do nosso controle, se aproximar de nós.

Mas, se estivermos buscando conhecimento das coisas do alto, procurando conhecer o que pertence ao reino de Deus, cada dia, viveremos em novidades, mesmo que, os muitos obstáculos surjam, nós não seremos abalados, vistos estarmos submersos na vontade de Deus, e emergidos nos rios da sua grandeza.

Nos rios de Deus, as profundidades não têm limites, quanto mais descemos, mas no alto ficamos; quanto mais queremos, mas descobriremos que mistérios existem; quanto mais desejarmos a sua vida, mas abundantemente Ele nos dará.

A Deus pertence todas as riquezas vistas e não vistas pelos homens; bens que são imperceptíveis ao intelecto humano Ele tem abundantemente; coisas que nunca olhos viram, nem ouvidos ouviram, e nem chegou ao coração do homem, é o que Deus tem guardado para aqueles que o buscam.

Por isso, se há algo que devemos nos orgulhar, que seja com o grande feito de Jesus Cristo em prol da nossa vida, porque, nada do que conquistarmos aqui poderá assemelhar-se com a infinita bondade de Deus em nosso favor.

Portanto, provar desta grandiosa riqueza, é algo que devemos celebrar a cada segundo do nosso viver, pois, enquanto multidões têm descido a passos longos em direção ao abismo, o Senhor Deus, por sua incompreensível misericórdia e graça, nos tomou para si, nos tirou do chacal do mundo, nos resgatou das garras do mal, e nos deu a oportunidade de sermos um com Ele.

No entanto, precisamos vigiar com as nossas vontades, com os desejos do nosso coração, com o que busca a nossa alma, se ainda, nós estivermos almejando apenas bens matérias, a nossa riqueza não é servir a Deus.

Obviamente que, como filhos de um Pai tão sobreexcelente, dono do ouro e da prata, que é o nosso Deus, nós, temos direito de usufruir o melhor desta terra, todavia, isto é apenas uma conseqüência, se Ele quiser, Ele nos dá, caso contrário, a sua graça já é o suficiente para nós.

Ser reconhecido como cidadão dos Céus, é a melhor coisa que alguém pode querer, ainda que, para os homens, isto seja apenas um simbolismo, e eles não dêem o devido valor, porém, nos Céus, isto é precioso.

Então, precisamos continuar sendo submetidos à soberana vontade de Deus, permitir que Ele continue nos transformando, moldando o nosso caráter ao seu modo e entender, afinal, só Deus sabe o que é melhor para cada um de nós.

Tudo o que venhamos fazer, é necessário que Deus seja consultado antes. Tudo que venhamos adquirir, nós devemos colocar diante Dele, pois, nada podemos fazer se Ele não estiver conosco, se não fosse o Senhor Deus que sempre esteve do nosso lado, já a muito teríamos sidos esmagados pelos ardis ataques malignos e dos homens.

Então, nada do que temos é nosso, mas é de Deus, as nossas conquistas vêm Dele, é Ele quem luta por nós, é Ele quem ganha a nossa causa, é Ele que assina as nossas vitórias, é Ele quem nos protege e nos justifica quando os homens e o inimigo querem nos fazer calar, recuar, desistir.

É Deus quem nos erguem quando pensamos ser o nosso fim.

A vida humana é como nuvens, agora estar, segundos após, não mais estará, e, se atribuímos as nossas vitorias aos nossos próprios esforços, logo elas serão corroídas, minadas e esquecidas, mas se atribuirmos a Deus tudo o que somos e temos, a nossa historia será conhecida e reconhecida, anunciada e relatada, antes e depois de nós.  

Somos apenas administradores das coisas que Deus confia em nossas mãos, nada é nosso tudo é Dele, então, tanto faz termos ou não, algum reconhecimento humano, nós, não dependemos de aplausos para viver, precisamos sim, das misericórdias de Deus sobre nós.   

Por isso que, sempre, sejam dadas a Ele, todas as Glórias da nossa vida.

Amém!

Pra Elza Amorim Carvalho.

[email protected]

# Repasse esta mensagem, # alguém precisa lê-la.

(Senhor, na tua palavra está escrito, que tudo o que pedirmos com fé crendo e em oração, receberemos, então pai, desce a tua espada e faça justiça sobre todos os que usam destas mensagens em negócios que não vêm de ti. Em nome de Jesus, Amém)