Conectado por

Religião

Cristão: chamado para amar e servir


Compartilhe:

Publicado por

em

Amar vem antes de liderar. O chamado de Cristo não é para liderarmos, mas para servirmos. A primeira decisão a tomar é aprender a amar, com um amor que se expresse por meio de serviço e viabilize a felicidade daqueles que a providência divina pôs em nosso caminho.

O serviço cristão pressupõe amor. Por que cantamos, ensinamos, pregamos, lideramos? Porque temos interesse pelo bem-estar das pessoas. Sem amor, o trabalho perde o sentido, a canção fica sem brilho, o serviço é realizado sem espontaneidade e a pregação acontece sem originalidade. Não há congresso que ensine a amar. Forjar o ser é obra do Espírito Santo. Podemos falar sobre métodos de liderança, princípios de administração e técnicas de composição musical, mas amar vem do céu. Por isso, deve ser buscado.

Peça a Deus por amor. Não queira ser um grande pregador, um exímio cantor ou um poderoso líder eclesiástico. Procure amar e servir, aperfeiçoando seu talento para ser útil, em vez de famoso. Somente assim você não perderá sua alma na religião. 

Fique por dentro!

O artigo que você acabou de ler é um trecho do livro Teologia da trincheira – Reflexões e provocações sobre o indivíduo, a sociedade e o cristianismo, obra que traz uma edificante compilação de textos escritos por Antônio Carlos Costa, pastor e fundador da ONG Rio de Paz. Profundamente inspirador, o livro aborda temas importantes da doutrina cristã e apresenta o caminho bíblico e cristalino para uma vida de fé fervorosa, comprometida com o Reino de Deus e com o próximo.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *