Conectado por

Agronegócios

Comercialização do arábica ultrapassa 70%

Publicado por

em

Colaboradores do Cepea apontam que a forte recuperação nos preços externos e internos dos cafés arábica e canéfora (robusta) têm atraído agentes ao mercado, assim, os negócios apresentam bom ritmo.

Para o café arábica, até semana passada, a comercialização da safra 2019/2020 já havia superado os 70% do volume total colhido entre as regiões acompanhadas. Vendas foram registradas para grãos de diferentes características, com destaque para os de qualidade boa a superior, que têm sido bastante procurados.

Ressalta-se que o percentual deste tipo de café é baixo nesta safra, resultado do clima desfavorável na colheita e em boa parte do desenvolvimento do grão.

Quanto ao canéfora (robusta), até a semana passada, de 65% a 75% dos grãos da safra 2019/2020 haviam sido negociados no Espírito Santo. Em Rondônia, o volume comercializado é de 90% a 95% do total colhido.

Em relação aos preços, nessa terça-feira (10) o Indicador CEPEA/ESALQ do café arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, fechou a R$ 557,99/sc, elevação expressiva de 6% em relação à terça anterior (3).

Para o canéfora (robusta), o Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6 peneira 13 (a retirar no Espírito Santo) fechou a terça-feira (10) a R$ 321,29/sc de 60 kg, elevação de 2,1%, na mesma comparação.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *