Conectado por

Mato Grosso

Com 87% das UTIs ocupadas, Estado de Mato Grosso começa a abrir novos leitos


Compartilhe: Entre no nosso grupo do Whatsapp

Publicado por

em

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) determinou a abertura de novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e de enfermaria para atender à demanda de internação por Covid-19 em Mato Grosso.

Dados divulgados na noite desta quarta-feira (24) apontam taxa de ocupação de UTIs em 87,44% e de enfermaria em 42%.

Segundo a Pasta, o Governo está monitorando a escalada de casos e a abertura de novos leitos deve ocorrer de forma a não suspender novamente as cirurgias eletivas no Estado, como ocorreu no início da pandemia.

Não estamos esparramando os leitos nos nossos hospitais para não comprometer a continuidade das cirurgias eletivas

Apenas no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, a previsão é de que mais 20 leitos de UTI fiquem disponíveis até domingo (30), enquanto providências são tomadas para a contratação de mais sejam feitas, caso seja necessário.

“É um hospital que está 100% dedicado para a Covid e não estamos esparramando os leitos nos nossos hospitais para não comprometer a continuidade das cirurgias eletivas, porque seria muito ruim nesse momento interromper novamente”, explicou o secretário da SES, Gilberto Figueiredo.

Novos leitos de UTI também estão previstos para serem abertos em Nova Mutum, conforme o gestor.

“E estamos trabalhando para ampliar mais. À medida que for necessário, de acordo com a taxa de ocupação, vamos introduzindo mais leitos de UTI e de enfermaria”, disse.

Dados do Estado

Segundo o painel da Covid-19 atualizado diariamente pela SES, dois hospitais do interior e o Hospital Júlio Müller, em Cuiabá, já estão com 100% dos leitos de UTI ocupados, não tendo disponível nem mesmo leitos de retaguarda.

Em Várzea Grande, o Hospital Metropolitano tem 45 pacientes internados com Covid-19 e nenhum leito disponível, apenas cinco de retaguarda.

Já o Hospital e Maternidade Santa Rita tem apenas um leito de UTI disponível e nove pacientes internados.

No antigo Pronto Socorro da Capital, há um leito de UTI adulto e cinco de UTI pediátrica disponíveis. Ao todo, há 19 leitos de UTI adulto ocupados.

Já o Hospital Estadual Santa Casa tem sete pessoas internadas e um leito disponível, além de dois destinados para retaguarda.

Midianews.com.br

Publicidade
Betfair

ALE-RO

ÓTICA DINIZ
Online Cassino


Desenvolvimento