Conectado por

AL/MT

Após economia em 2019, ALMT ‘devolve’ R$ 33,9 milhões ao Governo de Mato Grosso


Compartilhe:

Publicado por

em

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) fez o repasse de R$ 33,9 milhões ao Poder Executivo, valor este que, segundo o deputado Max Russi (PSB), foi fruto da economia do Poder Legislativo em 2019. O deputado também afirmou que a ALMT irá custear a UTI para crianças do Hospital de Câncer até que o Governo Federal normalize os repasses.

Durante sessão solene na manhã desta segunda-feira (3) o deputado Max Russi falou sobre a gestão administrativa do parlamento no ano de 2019. Ele disse a ALMT conseguiu fazer uma boa economia de gastos, sobrando recursos inclusive para disponibilizar para outras ações, como o aporte de R$ 11 milhões à previdência do Poder Legislativo.

O deputado afirmou que, apesar da economia, os trabalhos da Assembleia Legislativa não foram prejudicados. Ele anunciou que serão entregues ao Poder Executivo o montante de R$ 33,9 milhões, que devem ser aplicados na Segurança Pública e sistema penitenciário.

“Nós vamos estar fazendo, não diria uma devolução, mas uma entrega de um cheque, fruto da economia desta casa no ano de 2019, a ALMT não teve aumento de orçamento, a ALMT que começou o ano acima do alerta em gastos com pessoal, mas conseguimos durante o ano de 2019 uma economia de R$ 2 milhões na nossa folha de pagamento, em comparação a 2018. Não teve demissão de servidor efetivo, foi apenas na questão dos cargos comissionados desse parlamento”.

Ele ainda garantiu que, em decorrência da economia da ALMT o Poder Legislativo será capaz de custear nos próximos meses a UTI para crianças que são tratadas no Hospital de Câncer de Mato Grosso, até que o Governo Federal normalize os repasses.

FONTE:OLHARDIRETO