Conectado por

Cuiabá-MT

Após confusão em entrega de doses, forças de segurança devem ser vacinadas nesta 6ª em Cuiabá


Compartilhe:

Publicado por

em

Os servidores que atuam nas forças de segurança de Mato Grosso devem começar a ser vacinados nesta sexta-feira (9), em Cuiabá. A vacinação dos profissionais da segurança em Cuiabá estava prevista para começar na quinta-feira (8), mas foi suspensa.

O governo afirma que a prefeitura descumpriu o acordo feito com o estado e não entregou as doses para aplicação. Já a prefeitura diz que não recebeu doses destinadas a esse grupo e que, por isso, não fez a reserva.

O início da vacinação de todos os 1,6 mil agentes das forças de segurança de Cuiabá será no Senai, na Avenida XV de Novembro, na capital.

Conforme o plano do governo, 800 profissionais da segurança pública seriam vacinados nesta quinta-feira, e outros 800 nessa sexta-feira (9).

Uma resolução emitida pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB), nesta quinta-feira (8), autoriza a destinação de parte das vacinas entregues para imunizar os profissionais de segurança pública. No total, 3,2 mil doses serão destinadas para os agentes em todo o estado.

No entanto, a prefeitura diz que até então foi orientada pela CIB para que as 22.515 doses recebidas no último dia 5 fossem usadas da seguinte forma:

  • 2.575 doses de Astrazeneca, voltadas para segunda dose de trabalhadores da saúde
  • 19.940 doses da Coronavac, sendo 17.970 doses para segunda aplicação de trabalhadores da saúde e de idosos e 1.970 doses para primeira aplicação de idosos de 65 a 69 anos

Em contrapartida, o governo afirma que houve um acordo entre o estado e o município de que as doses seriam entregues.

“A prefeitura capacitou os profissionais de segurança formados na área da saúde para fazer a aplicação. Os profissionais se cadastraram no site da prefeitura para agendar a vacinação na quarta-feira (7). Tudo foi feito e acordado para dar início hoje”, diz o governo, em nota.

G1.Globo.com