Conectado por

Mato Grosso

Após cinco dias, bombeiros encerram buscas a mãe que pulou de ponte para salvar filha


Compartilhe:

Publicado por

em

O Corpo de Bombeiros encerrou nesta quinta-feira (13), às buscas ao corpo de Lourivania Gomes da Silva, de 35 anos, que desapareceu após pular da ponte, no Rio Araguaia (a 580 quilômetros de Cuiabá), para salvar a filha que ameaçava se jogar. A decisão de finalizar a procura foi tomada com consentimento da família da vítima.

O fato ocorreu na madrugada do sábado (08). Lourivania voltava de uma festa com a filha e um grupo de amigos, quando a garota ameaçou se jogar da ponte. Imediatamente pulou no rio para tentar resgatar a filha e não foi mais encontrada. 
 
De acordo a Polícia Civil, mãe e filha moram em Baliza (GO), e estavam em Mato Grosso em uma festa conhecida como “Festa do Couro Velho”. Ao tentar retornar para casa, na madrugada de sábado (08), a filha ameaçou se jogar da ponte, mas amigos impediram que ela pulasse. Lourivania, que estava mais a frente, ao perceber a confusão, olhou para trás e não viu que a filha estava deitada na ponte, acreditando que ela tivesse se jogado,  pulou no rio.
 
Lourivania não sabia nadar e tentou sair do rio. Quando estava perto da margem ela tentou segurar em um arbusto, mas acabou se afogando. Populares desceram até o rio, mas não conseguiram salvá-la.

O Corpo de Bombeiros de Barra do Garças e de Goiás realizaram buscas no local durante cinco dias.  O rio está bem cheio e no local onde a mulher caiu, tem muitas pedras. Os fatores podem prejudicar o trabalho das equipes de resgate. Uma espécie de ‘acampamento’ foi montado na margem do rio, do lado do Estado de Goiás, por amigos e familiares da vítima, que acompanharam de perto às buscas.

Publicidade

ALE-RO

ÓTICA DINIZ



Desenvolvimento