Conectado por

Mato Grosso

Ao lado de Bolsonaro, coronel Fernanda agradece o carinho do povo de Mato Grosso em sua campanha


Compartilhe:

Publicado por

em

O último programa eleitoral na tv e rádio da coronel Fernanda, candidata ao Senado, número 511, do Patriota, foi marcado por agradecimentos.

“Neste momento, eu só quero agradecer a todos que me ajudaram a chegar até esse dia. Muito obrigada, que Deus proteja a todos e que no dia 15 de novembro seja a data da nossa vitória”, disse.

Ainda na inserção, o presidente Jair Bolsonaro, que de apoiador passou a ser o maior cabo eleitoral da campanha da militar, pediu de coração que os mato-grossenses votem na coronel Fernanda no dia 15 de novembro.

“Aos meus amigos de Mato Grosso, tô pedindo, do coração: para o Senado, coronel Fernanda, 511”, pediu Bolsonaro.

Esta é a primeira vez que a coronel Fernanda participa de um pleito eleitoral.

A sua participação nesta campanha é uma idealização do presidente, que a escolheu para estar no Congresso Nacional no lugar da ex-juíza Selma Arruda e ajudar a emplacar projetos do Governo Bolsonaro.

A candidata também apresentou diversas propostas para ajudar a melhorar a qualidade de vida da população do Estado.

A futura senadora integra a Polícia Militar desde 1996, onde antes passou para o Curso de Formação de Oficiais da academia da PM Costa Verde, considerado um dos mais concorridos e mais difíceis.

Ela possui duas graduações, uma em Direito pelo Instituto Cuiabano de Ensino e Cultura (ICEC) e outra no Curso de Formação de Oficiais (CFO) da academia da Polícia Militar Costa Verde.

Possui ainda cinco especializações, sendo três vinculadas à segurança pública, uma especialização em Ciências Criminais com enfoque em Direito Penal pela Universidade de Cuiabá (Unic) e uma pós-graduação em Administração Pública e Controle Externo.

Antes de ser promovida a Coronel da Polícia Militar, acumulou experiência exercendo cargos estratégicos na Companhia de Polícia Militar Feminina, 1° e 3º Batalhão da Polícia Militar de Cuiabá, Centro de Formação de Praças (CFAP), Comando Geral da PM. Bem como, no 4° Batalhão da Polícia Militar de Várzea Grande e Comando Regional de Juína. Ainda trabalhou no Colégio Militar Tiradentes e exerceu função na Diretoria de Gestão de Pessoas da Polícia Militar.

Assessoria