Conectado por

Cuiabá-MT

Acusado de matar engenheira no trânsito em MT também será julgado por tentar matar namorado da vítima


Compartilhe:

Publicado por

em

Jackson Furlan, de 30 anos, acusado de matar a engenheira agrônoma Julia Barbosa de Souza, de 28 anos, em novembro de 2019 em Sorriso, a 432 km de Cuiabá, também deverá responder por tentativa de homicídio contra o namorado da vítima, Vitor Giglio.

A medida atende a uma ação do Ministério Público, já que existem provas de que ele poderia ter matado não só Julia, mas Vitor também. Jackson está preso em Sorriso.

O caso

A engenheira agrônoma Julia Barbosa de Souza estava em uma caminhonete, junto com o namorado, na noite de 9 de novembro de 2019.

Julia Barbosa de Souza, de 28 anos, era passageira da caminhonete dirigida pelo namorado dela em Sorriso — Foto: Instagram/Reprodução

Conforme a Polícia Civil, o casal teria sido perseguido depois de ultrapassar outra caminhonete. Quando foi ultrapassado, Jackson Furlan teria ficado irritado. Ele buzinou diversas vezes e queria que o casal parasse o veículo.

Eles foram perseguidos pelo motorista até que, em determinado momento, o suspeito sacou uma arma e disparou. O tiro atingiu a cabeça da vítima.

O namorado da jovem socorreu a vítima até um hospital e a polícia foi chamada. Ela não resistiu e morreu na unidade de saúde.

G1.globo.com