Conectado por

Acre

Acre cresce no Índice de Oportunidades da Educação 2019 e passa média nacional

Publicado por

em

O Acre cresceu 0,2 pontos no Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (IOEB) em 2019 na comparação com 2017. Naquele ano, o Acre ganhou nota 4,6 e em 2019, 4,8. Em 2015 a nota foi 4,2, o que mostra que a educação do Estado segue há cinco anos em trajetória crescente nesse indicador.

A média nacional é 4,7. Assim, o Acre conseguiu, pela 1ª vez na série histórica, ultrapassar a pontuação média obtida pelos Estados.

O IOEB é único para cada território, seja município, estado ou Distrito Federal e que engloba toda a educação básica, da educação infantil ao ensino médio, de todas as redes existentes no local, bem como todos os moradores locais em idade escolar, e não apenas os que estão efetivamente na escola.

O IOEB oferece os dados sobre a qualidade do ecossistema da educação para crianças e jovens de uma determinada localidade. A nota vai até 10.

Rio Branco obteve nota 5,2, o que ajudou a elevar a média do Estado. Para efeito de comparação, Assis Brasil ganhou nota 4,0, abaixo, portanto, da média estadual. Esse município perdeu 1 ponto entre 2017 e 2019.

Santa Rosa do Purus teve nota 3,2 e Cruzeiro do Sul, 4,7. O indicador foi criado por grupo de pesquisadores e recentemente assumido pela Comunidade Educativa (CEDAC), que é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público que trabalha desde 1997 pela melhoria das condições de aprendizagem nas redes públicas. Nesses 21 anos de história, já atuou em 24 dos 27 Estados brasileiros.

O texto está aberto às observações dos segmentos interessados nos indicadores educacionais.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *