Conectado por

Religião

A Estrela de Abraão – Por Bispo Macedo


Compartilhe:

Publicado por

em

Para resgatar seu sobrinho Ló, Abraão teve de derrotar quatro nações que tinham vencido outras cinco.

Ou seja, Abraão derrotou nove nações de uma só vez com apenas 318 homens.

Imagino a qualidade destes servos.

Porém, a glória de tal vitória não foi por causa de sua audácia e bravura. Mas porque confiou na promessa:

Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem… Gênesis 12.3

Tamanha foi sua vitória que ele mesmo se assustou.

Continua após publicidade

Tanto que temeu que sua fama suscitasse revolta dos demais povos que, unidos, poderiam persegui-lo.

Mas, o Senhor maravilhoso veio ao seu encontro animá-lo, dizendo:

Não temas, Abrão, eu sou o teu escudo, o teu grandíssimo galardão.”

Aproveitando a oportunidade Abraão reclamou:

Senhor Deus, que me haverás de dar, se continuo sem filhos e o herdeiro da minha casa é o damasceno Eliézer? Não será esse o teu herdeiro; mas aquele que será gerado de ti será o teu herdeiro”, respondeu-lhe o Senhor.

Em seguida, conduziu-o para fora da tenda e disse:

Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes. E lhe disse: Assim será a tua descendência. Gênesis 15.1-5

Cada estrela simbolizava um descendente de Abraão.

Ele não podia contar as estrelas da mesma forma como não poderia contar o número de seus descendentes.

Quem vive na fé de Abraão é uma daquelas estrelas.

Cada estrela tem a promessa de Deus, sob o juramento das promessas feitas a Abraão.

Toda sua herança é por direito legal de suas “estrelas”.

Você é uma estrela de Abraão?

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *