Publicada em 16/03/2017 às 10:34

Nível do Rio Tarauacá ultrapassa os 10 metros e atinge mais de 400 famílias

Pela terceira vez este ano, o rio transbordou e alagou bairros do município. Defesa Civil acompanha situação e ajuda famílias com mantimentos.

Rio Tarauacá ultrapassou os 10 metros nesta quarta-feira (15) (Foto:  Jyensveferpher Jardim/Arquivo Pessoal)

O Rio Tarauacá voltou a ultrapassar a cota de alerta e de transbordo nesta quarta-feira (15) e marcou 10,20 metros, conforme medição feita às 12h. A cota de alerta é de 8,50 metros e a de transbordo de 9,50 metros. A Defesa Civil da cidade informou que as águas do manancial deixaram mais de 400 famílias ilhadas em cinco bairros, entre eles, o Senador Pompeu, Bairro Triângulo e Praia.

"Estamos levando água para essas pessoas, quando necessário e também monitorando a situação. Conforme o que percebemos aqui, as pessoas começam a sair quando o rio ultrapassa os 10,30 metros", explica o coordenador da Defesa Civil de Tarauacá, Jyensveferpher Jardim.

Jardim diz que a cheia foi repentina e que, de terça (14) até esta quarta-feira (15), o nível do manancial subiu dois metros.

 

Mais de 400 famílias foram atingidas pelas águas do Rio Tarauacá nesta quarta-feira (15), segundo Defesa Civil (Foto: Jyensveferpher Jardim/Arquivo Pessoal)
Mais de 400 famílias foram atingidas pelas águas do Rio Tarauacá nesta quarta-feira (15), segundo Defesa Civil (Foto: Jyensveferpher Jardim/Arquivo Pessoal)
 

Esta é a terceira vez que o Rio Tarauacá ultrapassa os níveis das cotas este ano. O primeiro transbordamento ocorreu no início de fevereiro quando o rio chegou a 10,45 metros e o município decretou emergência. No dia 23 de fevereiro, o nível voltou a subir marcando 9,90 metros alagando dois bairros.

"Estamos dando toda a assistência necessária aos moradores. Infelizmente, o rio enche muito rápido e de um dia para o outro. Mesmo assim, esperamos que haja uma vazante nos próximos dias", diz o coordenador.

 

Enchente do Rio Tarauacá em 2017


Desde o início do ano, a situação dos rios em Tarauacá vem oscilando. No dia 11 de janeiro, as águas subiram 73 centímetros em 6h e marcaram 8,86 metros. Um dia depois, o rio apresentou vazante de mais de um metro, chegando a 7,70 m. No mesmo dia, as águas voltaram a subir e marcaram 8,38 metros

No dia 16 de janeiro, o nível do rio voltou a subir e ultrapassar a cota de alerta. O Corpo de Bombeiros da cidade informou que o nível do afluente estava em nove metros.

Já no dia 17, as águas do manancial marcaram 9,20 metros e atingiram o primeiro bairro da cidade. No mesmo dia, uma árvore caiu em cima de uma embarcação, com 15 pessoas da mesma família e uma adolescente de 15 anos morreu.

Em fevereiro o Rio Tarauacá voltou a subir e ultrapassou a cota de alerta e marcou 9,90 metros. Dois bairros foram alagados pelas águas.

No início do fevereiro, a prefeita da cidade, Marilete Vitorino (PSD-AC), decretou estado de emergência durante as enchentes dos rios Tarauacá e Muru. Na enchente registrada em janeiro, a Defesa Civil anunciou que cerca de 16 mil moradores foram atingidos pelas águas dos rios na cidade.

 

Rio Tarauacá voltou a transbordar nesta quarta-feira (15) e alagou bairros (Foto: Jyensveferpher Jardim/Arquivo Pessoal)
Rio Tarauacá voltou a transbordar nesta quarta-feira (15) e alagou bairros (Foto: Jyensveferpher Jardim/Arquivo Pessoal)
Autor: Do G1 AC
Fonte: Do G1 AC

Comente com o Facebook