Publicada em 17/03/2017 às 17:26

Aleac discute irregularidades em cozinha de Pronto-Socorro na capital acreana

Imagens mostram ambiente insalubre e sujo no Huerb, em Rio Branco. Sesacre informou que obras no local começam na próxima semana.

Após uma denúncia, a Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) discutiu durante a sessão de quinta-feira (16) as irregularidades encontradas na cozinha do Hospital de Urgência e Emergência (Huerb), em Rio Branco. Fotos do local mostram ralos sem tampa, restos de comida em mesas de plástico além de um ambiente sujo e insalubre. É neste local que são preparadas as comidas dos pacientes da unidade.

Ao G1, a Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) informou que as fotos são antigas e foram retiras no dia 2 de março, quando o secretário de Saúde, Gemil Junior, reuniu servidores, gestores e representantes de sindicatos no local para anunciar a reforça do espaço.

A obra, segundo o órgão, já está prevista e inicia na próxima semana e deve ser entregue pela empresa responsável dentro de até 30 dias. O custo da obra está estimado em R$ 230 mil e inclui troca de piso, forro, telhado, instalação de grades, vidros, reforma da parte elétrica, hidráulica, exaustores, instalação de novas bancadas e pintura.

Sesacre diz que cozinha do Huerb deve passar por reforma  (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
Sesacre diz que cozinha do Huerb deve passar por reforma (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
 

A deputada Eliane Sinhasique (PMDB-AC) esteve no local para confirmar a denúncia. A parlamentar lamentou a situação e afirmou que o espaço não tinha nenhuma condição de permanecer aberto. Por isso, diz que devem ingressar com uma representação no Ministério Público do Acre (MP-AC) para que sejam tomadas as providências necessárias.

"Além da indicação para que a Vigilância Sanitária faça o seu trabalho, nós vamos entrar com uma representação no MP-AC. Aquilo é no mínimo improbidade administrativa, falta de respeito com o ser humano. E, principalmente, com as pessoas que estão doentes e com as pessoas que trabalham no hospital", disse a deputada.

 

Parlamentar afirma que local é sujo e insalubre e diz que vai procuar o MP-AC (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
Parlamentar afirma que local é sujo e insalubre e diz que vai procuar o MP-AC (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
 

O pedido de intervenção do local ainda não foi feito, mas o líder do governo na Aleac, Daniel Zen, afirma que a Sesacre e a Vigilância Sanitária foram acionados para uma vistoria no local. A intenção é tomar medidas para melhorar as condições e fazer os reparos necessários na cozinha o mais rápido possível.

"Acredito que isso não era do nosso conhecimento, tão pouco do governador Tião Viana. Tenho certeza que já teria determinado, com a maior urgência possível, a adoção de medidas para melhorar as condições do ambiente de trabalho daquela unidade", finaliza.

Colaborou Débora Oliveira, da Rede Amazônica Acre.

Autor: Do G1 AC
Fonte: Do G1 AC

Comente com o Facebook