Conectado por

Religião

Filme fala sobre cativeiro de Patrícia Abravanel: ‘Foi quando conheci Deus’


Compartilhe:

Publicado por

em

O filme “O Sequestro”, dirigido por Marcelo Antunez com roteiro assinado por Newton Cannito e Anderson Almeida, está em produção e dramatizará o caso policial de 2001 em que o apresentador Silvio Santos foi feito refém junto de sua filha Patrícia Abravanel.

O dono do SBT é interpretado por Rodrigo Faro, que graças à maquiagem está envelhecido e com menos cabelo para encarnar o Homem do Baú à época do crime de que foi vítima com sua filha.

Rodrigo Faro caracterizado para interpretar Silvio Santos. (Imagem: Arquivo pessoal)

O ator usou seu Instagram para mostrar um pouco dos bastidores de sua transformação em Silvio Santos, que atualmente tem 91 anos.

Os irmãos Fernando e Esdra Dutra Pinto sequestraram Patrícia e, dias depois, mantiveram Silvio Santos refém em sua casa, no Morumbi (SP).

O sequestro ficou muito conhecido devido à identidade das vítimas e também pelo tempo que demorou.

Na época, Patrícia concedeu uma entrevista sorridente, ao lado de seu pai, e disse que perdoava os criminosos.

Sinal de Deus

Em recente entrevista a Carlos Alberto de Nóbrega no “O Pod é Nosso”, Patrícia relembrou o caso em que foi vítima:

“Aprendi tanto, para mim é assim: a Patrícia antes e depois do sequestro […] Foi um marco, um divisor de águas. E é engraçado, foi um encontro que eu tive com Deus, com uma fé, com um relacionamento com Deus que eu não sabia que tinha, que eu só ouvia falar”, compartilhou.

Patrícia Abravanel no “O Pod é Nosso”. (Captura de tela “O Pod é Nosso”)

Segundo ela, meses antes de ter sido sequestrada, teve um sonho revelador, quase como um ‘sinal’ do que aconteceria dias depois. Ela relatou ter sonhado que nadava em uma gaiola cheia de tubarões, mas que nada acontecia com ela. E, por coincidência, os sequestradores que a pegaram em casa se identificavam como tubarão um e dois.

Patrícia, que na época tinha 21 anos, lembrou que, naquele momento, se recordou do sonho:

“Deus tava comigo […] Me veio aquela certeza. Deus tá presente, está comigo, está aqui. Ele me deu um autocontrole, uma segurança, eu fiquei convicta que nada ia acontecer”, concluiu.

A distribuição do filme “O Sequestro”, que ainda não tem data de estreia oficial, é da Paramount Pictures em parceria com a Imagem Filmes.

Assista à integra da entrevista:

Fonte: Guiame, com informações do BolaVip e Omelete
Publicidade
Governo de Rondônia
Betfair
ÓTICA DINIZ
Online Cassino


Desenvolvimento