Conectado por

Religião

“Deus me curou enquanto eu dormia”, testemunha mulher que sofria com dores nas mãos


Compartilhe:

Publicado por

em

Martha Moore foi ao médico, após começar a sentir dores que ela chamava de “excruciantes” em suas mãos. A funcionária de processamento de correspondência para os correios de Sacramento, na Califórnia, foi diagnosticada com síndrome do túnel do carpo em ambos os pulsos.

“Eles me deram remédios para a inflamação e também recomendaram que eu usasse aparelhos porque me disseram que manteriam minhas mãos em uma determinada posição e me aliviariam de mover minhas mãos quando estivesse dormindo.”

Mãe solteira de gêmeos de 11 anos, Martha diz que não conseguia imaginar o que poderia acontecer se ela perdesse o emprego.

“Quem vai estar lá para cuidar dos meus filhos, sabe? Foi realmente assustador para mim”, diz.

Dores insuportáveis

As dores fortíssimas não passavam com nenhum tipo de medicação, e piorava, lembra a mulher. Por isso, decidiu buscar ajuda médica.

“Era uma dor que nunca senti antes. Era como se alguém estivesse enfiando agulhas em minhas mãos. Eu não conseguia dormir porque a dor era muito forte”, relata.

“Cheguei a um ponto em que comecei a sentir a dor no trabalho. Porque com o tempo eu estava levantando mais coisas no trabalho, especialmente durante a temporada de férias, porque é quando nosso correio pega mais.”

Diante do sofrimento de Martha, seu médico sugeriu um tratamento mais radical.

“Ele disse que poderia me recomendar a um especialista e a cirurgia seria a próxima opção para mim. Eles teriam que entrar nas minhas mãos e remover certos nervos das minhas mãos.”

Martha diz que não sabia como se recuperaria – física ou financeiramente – de uma cirurgia cara.

“Eu estava apavorada. Eu não queria encarar o fato de que eu teria que literalmente fazer uma cirurgia, ser submetida, porque eu tenho dois filhos pequenos ainda em casa e sou a única provedora. Isso realmente me afetou”, diz

Conversando com Deus

Diante da situação e dos medos que estavam enchendo sua mente, Martha orou e conversou com Deus.

“’Eu disse: ‘Senhor, como vou sustentar meus filhos? Minhas mãos são o que eu preciso para poder sustentar meus filhos e trabalhar. Minhas mãos estão muito mal, e eu preciso delas. Eu sei que é sua vontade que eu faça essas coisas, então estou de pé em suas promessas e confiando em você que vai curar minhas mãos.’”

Martha foi colocada em serviço leve e trabalhou com a dor, às vezes excruciante, enquanto continuava a orar.

“Eu estava indo na frente das filas de oração e pedindo cura e concordância para a minha cura. Eu estava desanimado e não entendia o que estava acontecendo porque eu estava de pé nas escrituras. Mas então continuei. Eu disse: ‘Eu não vou deixar isso me derrubar. Eu sei que o Senhor é um Deus de cura.'”

Ouvindo a voz de Deus

Em 1º de outubro de 2020, Martha conta que ouviu de Deus diretamente.

“Eu estava me preparando para ir para a cama, e estava prestes a colocar meu aparelho como faço todas as noites e ouvi ele me dizer: ‘Não use.’ Eu sabia que era Ele me dizendo: ‘Não use aparelho.’ Eu estava confiando, acreditando e confiando neles no início.'”

Martha ficou surpresa, mas não hesitou em obedecer. Ela conseguiu adormecer facilmente.

“Não tive dor nas mãos nem nada. Esse foi o melhor sono que tive em muito tempo!” E isso não foi tudo. Quando acordei na manhã seguinte, ouvi-o me dizer: ‘Jogue-os fora’.”

Martha obedeceu e está completamente livre de dores e de volta às suas funções normais no trabalho. Ela também está descansando sabendo que Deus cuidou de suas necessidades.

“Ele me curou enquanto dormia. Isso é tudo que eu sei. Eu durmo muito bem! Eu durmo bem todas as noites e, quando estou no trabalho, posso fazer meu trabalho sem nenhum tipo de dor ou surto.”

Martha quer encorajar os outros a terem fé de que Deus ainda ouve e responde às orações.

“Estou tão agradecida que o Senhor ouviu minhas orações. Levou minha fé a um nível totalmente novo. Ele realmente se importa com todos os aspectos de nossas vidas e não gosta de nos ver sofrendo”, prega.

“Deus realmente é incrível. Você pode confiar e acreditar em Sua palavra porque ele é fiel mesmo quando não somos fiéis. A oração realmente funciona, e a oração realmente muda as coisas!”, garante Martha.

 

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA CBN NEWS

Publicidade
Betfair
ÓTICA DINIZ
Online Cassino


Desenvolvimento